sexta-feira, 14 de outubro de 2016

Quijingue: Médico é levado pela polícia para prestar esclarecimentos

Na manha desta sexta-feira (14) o médico Jorceley Ferreira Amorim foi detido no Hospital Municipal por suspeita de não ter autorização para exercer a profissão.

Segundo a prefeitura, Jorceley, que tem formação na Bolívia, não tem nenhum vínculo contratual com o município. Atendeu no hospital de Quijingue a pedido de outro Médico, amigo seu, que é contratado, mas precisou se ausentar.

Segundo a denúncia, Jorceley ainda não conseguiu a validação para exercer a profissão no Brasil, atendia usando o carimbo e CRM de outro profissional, o que é ilegal.

A Secretaria de Saúde de Quijingue informou que está colaborando com as investigações para que todos os fatos sejam esclarecidos.



Nenhum comentário:

Postar um comentário