sexta-feira, 13 de julho de 2012

Um pensar às virtudes

Por: Micael Costa

Nesse terreno, como querem alguns, pelo fato de que não é capaz de formular uma teoria moral coerente e ampla é, a nosso ver, esquecer a natureza das proposições fundantes da ética.

Poderíamos aceitar, por exemplo, muitas das proposições incitadas e não perdermos a consistência, pois não é proposito “deles” pensar a condição humana como um todo, (mais uma de suas facetas). Neste sentido, interessa-lhes virtudes como a coragem, a prudência e outras na medida em que são permitidas transparecer. Ou seja, cobrar “deles” uma ética sistemática é DESCONHECER, é esquecer as questões que lhes interessam (interessantes mesmo) às quais procuram e de sorte não conseguem responder. Nesse contexto, (talvez este seja um ponto importante a ser pensado hoje) diante da necessidade de se ater à política, caracterizando-se com vestimentas aparentemente idôneas, e pregando anseios por ideais revolucionários, que se olhado a fundo, contradizem com suas posturas, esquecendo-se de uma boa filosofia: a da moral construtiva do humano-cidadão.

Diante de uma época povoada por interesses políticos, “eles” próprios fizeram traduzir DESCONHECIMENTO às condições éticas, escandalizadas em uma torpe pregação, que se bem examinada, reduz-se ao mais pequeno modo de se pensar transformação. No entanto, com a aceitação dessas limitações, é possível recuperar certas discussões, como pretendo mostrar. E que esta (analogia) se torne, uma ferramenta eficaz contra a tentação atual de um pensamento exclusivista, que se inverte à uma ideologia inferior, (com ressalvas).

Paralelamente, conseguiremos com a junção às boas virtudes, encontrar caminhos possíveis para as verdadeiras transformações tão requisitadas, e fortalecer nossas interpretações sobre quem pretende num futuro próximo, governar nosso município, e assim, (certamente) daremos com isso uma convicta validade ao conceito do que se diz o bem comum integrado, verificando as pretensões e quem sabe julgando as propostas futurescas, mas antes de tudo, lembrando-se das boas virtudes, precitada no próprio tema desta redação.

17 comentários:

  1. João marcelo de Algodões13 de julho de 2012 09:12

    E isso aí Michael Celetino. Parabéns!

    O texto é reflexivo, construtivo e filosófico, mas não conseguir fazer uma analogia entre o você redigiu e aquilo que vem escrevendo no face.

    Temos acompanhado suas postagens lá, e certamente fica evidente sua defesa ao atual modelo de gestão do município.????

    Município este Micael que, além de não ter atendido os anceios da população mais carente, quando o assunto é saúde de qualidade, educação e escolas de qualidade, saneamento básico e tantos outras responsabilidades do gestor público, é alvo de inúmeras ações na justiça (alguns já condenado) por corrupção e/ou improbidade administrativa.

    Você acompanhou esses fatos? o que pensa?

    Você é um garoto inteligente, porém não deixe-se levar por influências de pessoas vaiodosas e desgastadas politicamente em Quijingue.

    Quijingue precisa de mudança Micael e não a "mudança" proposta por Nininho e Jardel, estes fazem parte da base do atual prefeito, numa possível vitória desta chapa o atual prefeito terá forte influência, já que ele é o principal "padrinho político". E o resultado disso todos nós já sabemos!

    Seu texto é maravilhoso defende os princípios de qualquer sociedade "moral, ética", além de você publicá-lo aqui no site, imprima-o e entregue-o ao Sr. Joaquim Manuel do Santos, que você tanto defende, pois ele mais do que ninguém tem negado esses princípios na sua administração.

    Ou seja, melhor definição do que falta ao atual modelo de gestão implantado por Joaquim não há.

    Cuidado garoto com a falta de coerência.

    ResponderExcluir
  2. Pára não esquecer:
    Vocês lembram ? Dêu no Bahia notícias.

    http://quijinguecom.blogspot.com.br/2011/12/deu-no-bahia-noticias-moradores.html


    Vocês Lembram ? Dêu no Quijingue.com

    http://quijinguecom.blogspot.com.br/2011/12/eleitor-de-urna-funebre-tambem-existe.html


    Vocês Lembram?

    http://quijinguecom.blogspot.com.br/2011/11/prefeito-de-quijingue-tem-representacao.html

    Por favor não vão esquecer...

    Ass. Pimenta é refresco.

    ResponderExcluir
  3. João Marcelo vc botou pocano... Não sei escrever assim bonito, mas sei lê.

    Achei feliz o seu texto, coerente, firme no que diz e soberano com os valores.

    Parabéns,

    Começa uma nova história, apartir de 07 de outubro. 13

    Ass. Justiça

    ResponderExcluir
  4. veja o exemplo de Queimadas, onde se deixa crianças se deslocarem para estudar em outros lugares, tendo o espaço fisico ali perto, mais o interesse não é a qualificação das crianças e jovens e sim manter seu apadrinhado politico mamando, como é o caso da representante daquela localidade, que é funcionaria publica E NÃO TRABALHA. É ASSIM que é modelo ? dois predios fechados e carros rodando.

    ResponderExcluir
  5. CARA, PARABENS PELAS BELAS PALAVRAS DO TEXTO, SUA INTENÇÃO DE CRITICA É ATÉ VALIDA, MAS O QUE VC QUER DIZER MESMO COM UM TEXTO TÃO INTELIGIVEL ASSIM, MEU SEJA + SIMPLES...

    ResponderExcluir
  6. Prezados internautas, cabe aqui esclarecer que o fato de algumas escolas terem fechado no município e seus alunos serem transferidos para escolas de outras localidades ocorreu devido a uma determinação do Ministério Público visando acabar com classes multisseriadas no município, ação que teve início este ano e obriga a Secretaria de Educação a nuclear 20% das turmas nesta situação a cada ano, terminando em 2015 o prazo para a não existência de classes multisseriadas.

    Professora Lorena Mota - Algodões

    ResponderExcluir
  7. não tem nada haver uma coisa com a outra, parem de defender o indefensavél. contra fatos não há argumentos.

    ResponderExcluir
  8. DEMAGOGIA PURA,ESSE MESMO QUE ESCREVEU ESSE TEXTO VIVE DEFENDENDO A ATUAL GESTÃO NO FACEBOOK.É SÓ RETÓRICA...VAMOS PARAR DE FALAR UMA COISA,E FAZER OUTRA NÃO É MICHAEL?

    ResponderExcluir
  9. Analise o texto, veja a quem faz referência e pense!

    ResponderExcluir
  10. ter um cargo publico e nao ir trabalhar agora virou virtude foi?

    ResponderExcluir
  11. esse tal DE Mihcael é criado nos corredores da prefeitura de Quijingue, onde sua familia sempre esteve presente e molda uma figura por ele representada em suas palavras contrariando

    as suas ações cotidianas.

    ResponderExcluir
  12. suas palavras estão ao vento e seu corpo e raciocinio vivo a todo momento.

    ResponderExcluir
  13. falso moralista, escreve uma coisa e pratica outra totalmente contraria, Demostines Torres não está só, procure um psicologo...

    ResponderExcluir
  14. gente Micael incomoda por ser critico,incomoda também por ser muito inteligente e capaz vc que não aceita faça melhor,não copie invente algo novo para mostrar a sua tão grande sabedoria este veiculo de comunicação sempre existiu mas ele percebeu primeiro que ele poderia criticar quem desejasse e defender quem bem endentece.E Lorena só te informou algo que todo cidadão preocupado com as mudanças e evolução do município já sabe,menos vc.kkk!!!

    ResponderExcluir
  15. eu sei a mudança que ele quer. ele vai ter kakakakakakaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa

    ResponderExcluir
  16. critico ou puxa saco?

    ResponderExcluir
  17. CRÍTICO OU LUTANDO PARA ASEGURAR EMPREGOS DE SUA FAMILIA COMO UM EMPREGO FANTASMA DE SUA TIA IVANI?QUEM É VC PRA FALAR OU CRITICAR NINGUEM.

    ResponderExcluir