Quijinautas

Visitas

Arquivos

Entrevistas

Entrevistas
Sempre um bate-papo que interessa a nossa comunidade

TV Quijingue.com

quarta-feira, 16 de abril de 2014

Quijingue e o jogo político

Após 16 meses de gestão, os contornos do jogo político envolvendo partidários do atual governo municipal se tornam mais visíveis.

Com a popularidade do prefeito em baixa, com sua inabilidade política, com indícios de corrupção, com uma gestão que tem se apresentado aquém do minimamente esperado,  a disputa intestina para o "salve-se quem puder" tem levado a atitudes curiosas por parte dos correligionários do prefeito.

Numa atitude aparentemente bem articulada, a maioria dos vereadores do partido do governo impôs-lhe uma derrota e ameaça de cassação o prefeito Almirinho (PT).

A articulação de tal "traição" recai nas costas do vice-prefeito Cancão, o maior beneficiado de uma eventual cassação do prefeito, pois seria empossado como prefeito de Quijingue no caso de impedimento de Almirinho e, ao que parece, já conta com o apoio da maioria dos vereadores do governo.

Está mais do que claro de que já há acordos para uma reviravolta dentro do governo municipal.

Alguns podem até pensar que a cassação do prefeito seria uma vitória para a oposição, porém não é bem assim tão simples. A estratégia correta para a oposição seria "cozinhar" o prefeito até o período da eleição municipal, enfraquecendo-o cada vez mais até lá, para que o partido governista chegasse morto na reta final.

Já a estratégia da cassação ensejaria a oportunidade da gestão atual se renovar e que poderia, imprevisivelmente, fortalecê-la porque sem dúvida alguma pela lógica que rege o jogo político Cancão enquanto prefeito buscaria uma gestão forte visando a manutenção do poder e o projeto politico de seu grupo em uma reeleição. De modo que essa estratégia da cassação pode dificultar muito os anseios da oposição.

Supõe-se que daqui para frente o prefeito reaja e mostre o quanto poder ele possui. Uma coisa é certa: se Almirinho cair, não cairá sozinho.
Leia Mais
-

Quijingue: Vereadores acatam pedido de CP para investigar prefeito Almirinho (PT)

No mesmo dia em que foi publicado o indeferimento pela Justiça de Mandado de Segurança para a anulação da extinção da CPI anterior, em Sessão da Câmara de Vereadores de hoje (15/04) os vereadores acataram um pedido de instalação de Comissão Processante(CP)  para investigar denúncias contra a atual gestão do prefeito Almirinho (PT). O vereador Romerinho (PT) pediu vistas do pedido.

A CP tem como integrantes: vereador Reginaldo Cavalcante (PT), vereador Antonio Brito (PT) e vereador Espedito Souza  (PSD) e investigará denúncia de Felisberto Filho (o Betinho) contra o prefeito Almirinho.

 Manifestantes contra e pró a aceitação das denúncias, se amontoaram no plenário da câmara


Leia Mais
-

Quijingue: bastidores da política

Dia movimentado nos bastidores da política local.

A tentativa de criação de Comissão Processante pela oposição reverberou nos bastidores do governo.

O prefeito Almirinho (PT) buscando até o último momento manter o grupo unido não conseguiu evitar o pior. O grupo governista rachou.

Movimentação nos bastidores dão conta de que alguns vereadores da base do governo e do próprio partido se associaram com os da oposição para perpetrar um golpe contra o prefeito.

Vereadores do próprio PT apoiaram a criação de Comissão Processante para investigar supostas irregularidades na gestão atual.
  
Leia Mais
-

Bahia: Exército assume a Segurança no Estado

O Exército Brasileiro assume nesta quarta-feira (16) o comando da segurança das ruas da Bahia, por conta da greve dos policiais militares iniciada na noite de terça-feira (15). Inicialmente, o governo informou que mais de 5.000 homens das Forças Armadas e da Força Nacional chegam ainda nesta tarde a Salvador.
Em nota oficial, o governo baiano informou que, "atendendo a uma solicitação do governador Jaques Wagner [PT], a presidente Dilma Rousseff assinou o decreto de Garantia da Lei e da Ordem autorizando o emprego das Forças Armadas na segurança pública na Bahia.
Com o decreto, é conferido aos militares condições de patrulha, vistoria e prisão em flagrante.
do uol
Leia Mais
-

terça-feira, 15 de abril de 2014

Quijingue: Justiça indefere pedido da Oposição sobre CPI que Câmara extinguiu

O Caso CPI

Em decisão recente a Justiça indeferiu o Mandado de Segurança impetrado pela oposição de Quijingue para que fosse anulada a decisão da Câmara de Vereadores que extinguiu o pedido de CPI meses atrás.

O vereador Clóvis Cavalcante e o advogado Felisberto Filho entraram com pedido de Mandado de Segurança (MS) para que fosse anulada a decisão da Câmara de Vereadores que extinguiu o pedido de CPI contra o prefeito Almirinho (PT) meses atrás no sentido de apurar irregularidades na contratação da empresa Avenida Móveis e Eletrodomésticos por parte da prefeitura de Quijingue.

O MS é uma medida liminar que visa a proteger direito líquido e certo não amparado por habeas corpus (liberdade do direito de ir e vir) ou habeas data (conhecimento ou retificação de dados) e para a sua concessão são necessários alguns requisitos dentre os quais o periculum in mora, expressão de sinônimo de perigo da demora, ou seja, de que a demora na decisão ponha em risco o direito e cause dano grave de difícil reparação.

Foi com base na falta de possibilidade de risco na extinção da instalação da  CPI que a Justiça indeferiu o pedido da Oposição. Para a Justiça "não existe possibilidade de dano irreparável ou de difícil reparação" na medida da Câmara de Vereadores em extinguir o pedido de CPI contra o prefeito.

E é óbvio de que não há pressuposto para medidas de segurança, pois a instalação ou não da CPI trata-se de uma medida política que cabe aos parlamentares municipais, nada tendo a ver com ameaça de direito. 

Em que pese o papel da oposição em utilizar todos os meios legítimos para atrapalhar, para fiscalizar ou para somente politicar o governo municipal, a judicialização da política não substitui o processo de disputa democrática nos espaços públicos da localidade.

Leia Mais
-

Aviso

Quijinautas,

Devido a indícios de que falhas técnicas no (provedor) do Google estavam prejudicando a realização da Enquete, optamos por suspendê-la. Assim que verificarmos e sanado o problema retomaremos nossa Enquete. 

att
Leia Mais
-

segunda-feira, 14 de abril de 2014

Coletivo Municipal de Jovens de Quijingue divulga Nota de Esclarecimento

NOTA DE ESCLARECIMENTO
 
O Coletivo Municipal de Jovens de Quijingue vem a público esclarecer que não participou de nenhum tipo de manifestação ou qualquer ação do gênero, em apoio ao grupo Teatral Farinha Seca, durante audiência pública pela implantação da UFNB em Tucano – BA, como noticiado em blog local.

Repudiamos veementemente o oportunismo destes blogs sensacionalistas que não possuem nenhum compromisso com a verdade e veiculam informações distorcidas e caluniosas, com meros objetivos politico-eleitorais.

Somos um grupo Apartidário com posicionamentos politico-ideológicos independentes e de bases populares. Defendemos a cultura local em seus vários aspectos e, nesse sentido, reconhecemos a importância e os trabalhos desenvolvidos pelos grupos de teatro em nossa comunidade. Entretanto, vale ressaltar que em nenhum momento as questões do teatro estiveram entre as pautas de nossas reuniões no Coletivo. Portanto, não procedem as informações de que o Coletivo Municipal de Jovens participou e/ou apoiou qualquer manifestação. Os que lá se manifestaram estavam como membros do teatro e não como representantes do nosso grupo. No Coletivo Municipal todas as decisões são tomadas coletivamente e não aceitamos nenhum tipo de manifestação sem apreciação prévia no grupo.

O Coletivo Municipal de Jovens de Quijingue é um grupo que prima pela independência e clareza das ações e sempre orienta os seus seguidores para que busquem trilhar os melhores caminhos. Nos colocamos à disposição de todos para maiores esclarecimentos.


Atenciosamente,

COLETIVO MUNICIPAL DE JOVENS DE QUJINGUE (CMJQ)
Leia Mais
-

Copa Consisal: Quijingue sofre a segunda derrota na competição

A seleção quijinguense sofre a segunda derrota ao enfrentar a seleção de Cansanção pela Copa do Sisal. O jogo aconteceu na noite da última sexta-feira (11) em Cansanção e terminou com o placar de 8 a 5 para o time da casa.

Apesar do placar dilatado o jogo não foi fácil, após estar vencendo por 3 a 1, a seleção cansançãoense acabou sofrendo o empate, por sorte, na metade do segundo tempo a equipe de Quijingue extrapolou o número de faltas e acabou cedendo um tiro livre direto que foi muito bem aproveitado por Marcinho que fez 4 a 3, após marcar o quarto gol a seleção deslanchou e dominou o jogo até o final marcando mais 4 tentos, Quijingue ainda fez mais dois, porém o placar terminou 8 a 5 para Cansanção. No dia 22 Cansanção vai até Monte Santo enfrentar a seleção local, já Quijingue jogará contra Itiúba no mesmo dia na cidade de Itiúba.
 
Leia Mais
-

Quijingue: Prefeitura inicia obras de drenagens e escoamento nas populares II


A prefeitura iniciou na última sexta-feira (11) as obras que irão melhorar a drenagem e escoamento superficial das águas de chuva no conjunto habitacional populares II. O pedido é uma reivindicação antiga da comunidade, que há anos sofrem com alagamentos provocados pelas fortes chuvas, devido à falta de planejamento para a construção daqueles imóveis. Um problema que vem se arrastando há anos.

As equipes da Secretaria de Infraestrutura já estão trabalhando no local e a partir desta segunda-feira (14), as manilhas já começarão a ser implantadas nas ruas onde acontecem os alagamentos. Serão utilizadas cerca de 100 manilhas, uma obra realizada com recursos próprios.

Da Decom/Quijingue

Leia Mais
-

Novos caminhos para cultura de Quijingue

Em reunião na tarde desta sexta-feira (11), na Secretaria de Assistência Social de Quijingue, foi dado mais um importante passo para a criação de políticas públicas para a cultura municipal. Estavam presentes na reunião a secretária Mirella Lima, os educadores Elza Ferreira, Leotério, Laerte Brito e o novo coordenador de cultura de Quijingue, Rogério Almeida. Na ocasião foram discutidos estratégias que não só atendam aos anseios dos vários segmentos culturais, mas também promovam a valorização e socialização das manifestações populares existentes no município, como a criação da Lei Municipal de Cultura e o projeto “Nossa Identidade Cultural (NIC)”, que está sendo lançado no município com esses objetivos.

O NIC é um conjunto de ações elaborado para valorizar a cultura local e seus mais variados aspectos. O projeto foi concebido a partir de desdobramentos das principais discussões relacionadas à cultura e educação que ocorreram nas conferências de cultura e na elaboração do Plano Plurianual Participativo (PPA), realizados no município em 2013.

Segundo o novo coordenador de cultura, Rogério Almeida, as propostas não representam um ‘pacote de ideias fechado’, elas poderão ser discutidas e enriquecidas constantemente em espaços de diálogos com a população. “A ideia é redescobrir e fortalecer as nossas expressões culturais, principalmente àquelas que compõe a identidade do nosso município e que mais se encontram em situação de risco de desaparecimento, criando uma política municipal de cultura mais abrangente e democrática”, frisou Rogério.

Entre as ações contidas no NIC, estão o fortalecimento e valorização dos grupos de folguedos, (reisados, sambas de roda, pífanos, entre outros elementos da cultura regional) e a produção e difusão artísticas/culturais de grupos como os que produzem artesanato e grupos que fazem o teatro local,  aproveitando a cultura teatral que existe em Quijingue para ampliação de ações no município, estimulando a formação de novos núcleos e o fomento à produções genuinamente quijinguenses, com uma perspectiva mais educativa e inclusiva, aberta à participação de todo e qualquer cidadão.

Em breve serão divulgadas mais novidades sobre as políticas públicas do município para a cultura. Os interessado em conhecer, participar e colaborar com as ações que serão desenvolvidas no projeto já podem buscar informações a partir da próxima segunda-feira (14), na secretaria de Assistência Social.

Fonte: Decom/Quijingue


Leia Mais
-

domingo, 13 de abril de 2014

Adeus ao seu Dedé


Faleceu na noite deste sábado (12) em Quijingue, o senhor José Nascimento, popularmente conhecido como Seu Dedé do Coxo. Seu Dedé tinha 90 anos.

Nossas sinceras condolências à família.

Leia Mais
-

sábado, 5 de abril de 2014

Seleção quijinguense inicia com derrota na Copa Consisal

[Atualizado as 14:50]
Seleção quijinguense
A seleção de Quijingue iniciou com derrota na primeira partida pela Primeira Copa Consisal de Futsal. O jogo aconteceu na Quadra Poliesportiva da Escola Waldir Magalhães e contou com grande público presente.


A seleção da casa iniciou apresentando um bom futebol e abriu o placar com gol do jogador Diego. Mas a seleção de Monte Santo se recuperou e, após empatar numa bobeira da defesa quijinguense, cresceu no jogo virando o placar para 4x1. Para o coordenador de esportes de Quijingue, Almir Terra Branca, “apesar do placar não ter sido favorável, Quijingue tem um grupo muito bom, com potencial de crescer no decorrer da competição”, disse Almir.


A seleção de Quijingue enfrentará agora a Seleção de Cansação, na próxima sexta-feira, dia 11 de abril na cidade de Cansação. A prefeitura de Quijingue irá disponibilizar transporte para a torcida quijinguense.



Leia Mais
-

Quijingue: MP nas escolas

Por Laécio Andrade
Ministério Público do Trabalho nas escolas de Quijingue!

Na tarde de ontem 03/04 assinei um importante Acordo de Cooperação Técnica com o Ministério Público do Trabalho na cidade de Salvador. 

O objetivo do acordo é a definição de diretrizes para a mútua cooperação institucional e técnica entre o Ministério Público e a Prefeitura de Quijingue, através da Secretaria de Educação. 

Serão desenvolvidas ações voltadas para promoção de debates, nas escolas do Ensino Fundamental, dos temas relativos aos direitos da criança e do adolescente, especialmente a erradicação do trabalho infantil e a proteção ao trabalhador adolescente. 

Nos dias 15 e 16 de Maio, professores das escolas selecionadas, receberão treinamento pela equipe do Ministério e atuarão como multiplicadores do Projeto MPT na Escola. 

De acordo com a Procurada do Trabalho Drª Rita Montovaneli o Projeto MPT nas escolas, além de tantos outros objetivos, busca “romper as barreiras culturais que dificultam a efetivação dos direitos da criança e do adolescente”
Leia Mais
-

quarta-feira, 2 de abril de 2014

Quijingue: 1º COPA CONSISAL DE FUTSAL

1º COPA CONSISAL DE FUTSAL

A seleção quijinguense está preparada para sua estreia, no próximo dia 04 de abril (sexta-feira) às 19:00h, diante de sua torcida, no Ginásio de Esportes da Escola Navarro de Brito. É a primeira vez que uma seleção de Futsal do município participa de um evento de nível intermunicipal.

No grupo que está a seleção quijinguense, também estão presentes as seleções de Monte Santo (adversário desta sexta-feira), a seleção de Cansanção e a seleção de Itiúba. Os jogos serão realizados entre todas as equipes do grupo em jogo de ida e volta. Sendo que na primeira fase será 3 (três) jogos em casa e 3 (três) jogos fora. As partidas serão realizadas sempre nas terças e sextas.

Segundo o Regulamento do CONSISAL, a entrada deverá ser cobrada taxas, que varia entre R$ 2,00 à R$ 5,00, esses valores ficam à disposição da Comissão para encargos extras durante a competição, bem como o gastos referente aos custeios do quarteto de arbitragem, sendo que a taxa deve ser fixada por cada município, caso de Quijingue a taxa definida é de R$ 2,00 por cada torcedor que vier à participar do evento.

A Prefeitura Municipal tem sua participação como mantenedora dos gastos acarinhados pela seleção, dessa forma todas as despesas inerentes a manutenção da equipe no Consisal é de responsabilidade da Prefeitura Municipal, tanto em partidas realizadas em Quijingue como as partidas que acontecerão em outros municípios.

Segundo a comissão responsável pela equipe de Quijingue, forem encontradas dificuldades na montagem e treinamento da equipe, principalmente pelo fato de que os convocados residem em várias partes do município e, principalmente, pelo fato do município não ter tido muitos eventos relacionados ao futebol de salão, que permitisse uma melhor análise a acompanhamentos dos atletas. Segundo o Coordenador municipal de esportes, Almir Terra Branca “A participação de Quijingue neste evento serve, sobretudo, para expor os talentos quijinguenses à outros municípios e se inserir no grupo desportistas do Consisal, adquirindo, assim, novas experiências para serem implementadas em nosso município. A Copa do Consisal representa um passo pequeno, porém muito importante para a formulação de vínculos futebolísticos em toda a região”.

DIRIGENTES DA RESPONSÁVEL PELA EQUIPE QUIJINGUENSE
Presidente – Almir Terra Branca
Finanças - Mirela
Secretario - Berg.
Comunicação e Marketing - Edvaldo
Chefe de Patrimônio - Gerson.
Técnico – Jefferson
Assistente técnico - Marcelo
Agentes de apoio – Douglas e Janine



Leia Mais
-

terça-feira, 1 de abril de 2014

Quijingue: Motoristas do transporte escolar realizam paralisação

Em protesto pelo atraso no pagamento, alguns motoristas que fazem o transporte escolar da rede pública de ensino do município de Quijingue, fizeram uma paralisação nesta terça-feira (1), atingindo principalmente estudantes da sede, do Distrito de Algodões e do povoado de Maceté. Outros profissionais não aderiram à paralisação e fizeram o transporte dos estudantes normalmente.

A prefeitura de Quijingue informou que já efetuou o pagamento da empresa que presta o serviço ao município e que amanhã a situação já estará normalizada. O atraso no pagamento teria ocorrido em função da demora na liberação dos recursos por parte do Governo Federal.

Leia Mais
-

Quijingue recebe Pá Carregadeira

 

Esta semana o município de Quijingue  foi contemplado com mais um veículo de grande porte, trata-se de um Pá Carregadeira. O incentivo integra o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) 2.

Leia Mais
-

segunda-feira, 31 de março de 2014

Quijingue precisa acordar?!

Por Marcos Leone

Vivemos um momento emblemático na política local, uma efervescência e um calor nos debates. Onde a preeminência da palavra, a argumentação tem sido cada dia mais valorizada. Contudo vejo através das redes sociais o clamor acompanhado do pedido do #acordaQuijingue.

Porém não vejo que o município necessita acordar, mas sim, se manter acordado. Quijingue foi despertado nas eleições de 2012, onde após décadas de um grupo no poder a oposição saiu vencedora do pleito. Esse é, a meu ver, o momento auge da liberdade de expressão e reavivamento do pensamento crítico do Quijinguense, tanto é verdade que com os erros inegáveis da atual gestão, acompanhado de denúncias de corrupção e ineficiência em alguns serviços públicos, os ecos de inconformismo soam alto no município.

Nunca nos 52 anos de história de Quijingue em tão pouco tempo se viu tantos protestos e insatisfação.

Falta na atual gestão ruptura com a maneira arcaica de governar, maior enlace entre as secretarias e escutar mais as pessoas, as comunidades, as associações, os grupos e etc.

E o povo? Continuar a cobrar, se manifestar e dizer "não" se necessário. Aproveitando o ensejo para começar a discutir a política na sua totalidade e saindo do mero partidarismo.

Contudo o exercício de manter-se acordado não está restrito apenas à gestão e governo atual, mas também com relação à atual oposição municipal. Não se pode esquecer que durante décadas Quijingue foi administrada por esses, que os descasos com o dinheiro público não é algo de agora (isso não dá legitimidade para erros da gestão atual), esses também definitivamente não são os “heróis da nação”.

Acredito de maneira veemente que se devem construir em Quijingue novas posturas, isso o governo e a atual oposição, sair do simplismo e pensar de maneira mais coletiva e comprometida com o município.

E o povo?... PERMANECER ACORDADO, reivindicar, cobrar, ser auto suficiente para pensar e não servir de massa de manobra dos interesses partidários. Contribuir para o aperfeiçoamento democrático através da participação, pois só existe mudança de fato com a manifestação, elaboração e desejo popular.
Leia Mais
-

Secretária de Assistência Social de Quijingue recebe prêmio em Salvador

A secretária municipal de Assistência Social de Quijingue, Mirella Lima, recebeu na última sexta-feira (28), em Salvador, o troféu “Vivência Social 2014", fruto do reconhecimento do seu trabalho à frente da pasta. Mirella foi escolhida uma das 100 secretárias mais atuantes do país. O prêmio foi entregue durante 1º Fórum Nacional Sustentável para Secretarias Municipais de Assistência Social. O objetivo do prêmio é "reconhecer publicamente as ações sócio ambientais que os gestores desenvolveram ou aprimoraram em seus municípios levando melhor condição de vida para a população mais pobre". O encontro entre secretários de todo o país também serviu para trocar experiências inovadoras implantadas em diversas regiões do Brasil.

Via Decom
Leia Mais
-

sábado, 29 de março de 2014

Quijingue: despesas liquidadas

Nos dois primeiros meses do ano (Janeiro e Fevereiro) foram liquidadas pela prefeitura de Quijingue o montante de R$ 5.160.045,33 (cinco milhões cento e sessenta mil quarenta e cinco reais e trinta e três centavos) em despesas.

Desse total, R$ 3.815.975,83 (três milhões oitocentos e quinze mil novecentos e setenta e cinco reais e oitenta e três centavos) foram gastos com Pessoal e Encargos Sociais. O restante de R$ 1.206.817,61 (um milhão duzentos e seis mil oitocentos e dezessete reais e sessenta e um centavos) foram gastos com a rubrica de Outras Despesas Correntes.

Os investimentos somaram apenas R$ 110.099,07 (cento e dez mil noventa e nove reais e sete centavos).

O valor da Receita no mesmo período foi de R$ 7.237.547,09 (sete milhões duzentos e trinta e sete mil quinhentos e quarenta e sete reais e nove centavos).


Leia Mais
-

O FPM será maior em Abril e Maio

Os Municípios brasileiros vão receber R$ 1.722.144.389,11 no dia 28 de março, referente ao último repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) do mês. Sem considerar o porcentual que é destinado ao Fundo Nacional de Educação Básica (Fundeb), o valor a ser distribuído chega a R$ 2.152.680.486,39.
Pelos dados do departamento de Estudos Técnicos da Confederação Nacional de Municípios (CNM), em comparação com o terceiro decêndio de março de 2013, o repasse apresenta crescimento de 21%. A previsão da Receita Federal para abril é de crescimento de 29% em relação a março. Porém isso é apenas uma estimativa, sujeita a alterações.
Com a previsão de aumento, o presidente da Confederação, Paulo Ziulkoski, chama atenção dos gestores municipais uma vez que o Fundo deve ter crescimento nos dois próximos meses – abril e maio. Mas, de junho até outubro o FPM deve ter redução, pois são meses de menor repasse.

da cnm
Leia Mais
-